Amon Pinho

Academic Degree:
PhD
Professional Category:
Associate Professor

Amon Pinho carried out his postdoctoral studies in Philosophy at the University of Lisbon (2011) and holds a PhD in History at the University of São Paulo (2006), where he also obtained a bachelor’s degree in History, at the College of Philosophy, Letters and Human Sciences (1999). He is an Associate Professor at the Federal University of Uberlandia (UFU), where he coordinates the Laboratory of Studies on Theories and Writings of History (LETEH) and is an Associate Researcher at the Centre of Philosophy of the University of Lisbon (CFUL). He has experience in the areas of History and Philosophy, with an emphasis on Theory and Philosophy of History, History of Historiography and History of Contemporary Philosophy, dedicating himself to study and research the following nuclei of themes and interests: Modernity, philosophies of history and dialectic of Enlightenment; History, memory, science, art and narrative; Concepts of time; Walter Benjamin (life and work); Agostinho da Silva (life and work); Brazilian and Ibero-American thought. Furthermore, he runs, as a scientific and editorial coordinator, two book collections in which selected writings of Agostinho da Silva and Walter Benjamin are in process of publishing.

 

Academia.edu: https://ufu.academia.edu/amonpinho

CV:  http://lattes.cnpq.br/5418286580636246

E-mail: amon@ufu.br

Selected Publications

  1. Books and journals (special issues)

 

PINHO, Amon; MESQUITA, António Pedro; PINHO, Romana Valente (orgs.). Proença, Cortesão, Sérgio e o Grupo Seara Nova. Lisboa: Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa (CFUL), 2015.

 

PINHO, Amon; CANTINHO, Maria João; CÉSAR, Constança Marcondes (orgs.). Philosophie et Messianisme, Philosophy and Messianism, Filosofia e Messianismo: Benjamin, Scholem, Lévinas, Derrida, Rosenzweig. Reflexão: Revista de Filosofia (Número especial). Campinas: Faculdade de Filosofia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas, n.º 94, 2008.

 

PINHO, Amon (org.). Missionarismo, parenética e profetismo no quadricentenário de Antônio Vieira. Ideação: Revista do Núcleo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas Filosóficas (Número especial). Feira de Santana: NEF-UEFS, n.º 19 e n.º 20, 2008.

 

PINHO, Amon; COSTA, Antônio Gomes da (orgs.). Centenário de Agostinho da Silva.  Convergência Lusíada (Número especial). Rio de Janeiro: Real Gabinete Português de Leitura, n.º 23, 2007.

 

PINHO, Amon; PINHO, Romana Valente (orgs.). Caderno de Lembranças (autobiografia de Agostinho da Silva). Sintra, Portugal: Zéfiro, 2006.

 

  1. Papers and book chapters

 

PINHO, Amon. O Grupo Seara Nova em seus ideais e propósitos fundadores. In: PINHO, Amon; MESQUITA, António Pedro; PINHO, Romana Valente (orgs.). Proença, Cortesão, Sérgio e o Grupo Seara Nova. Lisboa: Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa (CFUL), 2015.

 

PINHO, Amon. Quinto Império, messianismos: Padre Antônio Vieira e a cultura popular tradicional luso-afro-brasileira (versão revista e ampliada). Convergência Lusíada, n.º 30, 2013.

 

PINHO, Amon. Da imaginação utópica em tempos de crise da modernidade. Letras com(n) vida: Literatura, cultura e arte, n.º 3, 2011.

 

PINHO, Amon. Cristianismo e vontade, Ocidente e crise de espírito: Da interpretação niilista de O Budismo ao Buda-Dharma e ao universalismo, percursos de Agostinho da Silva. Cultura Entre Culturas, n.º 2, 2010.

 

PINHO, Amon. Agostinho da Silva e a Ibéria no espelho da Ibero-América: De los noventayochistas a Francisco Romero e de Alfonso Castelao a Leopoldo Zea, novos rumos de pensamento. In: O Pensamento Luso-Galaico-Brasileiro entre 1850 e 2000. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 2009.

 

PINHO, Amon. Da história como ciência e como forma de rememoração: Construção salvadora e destruição redentora em Walter Benjamin. Cadernos Walter Benjamin, n.º 1, 2009.

 

PINHO, Amon. A diáspora da inteligência lusa na hermenêutica histórica de Agostinho da Silva: Uma teoria antielitista da história de Portugal? Convergência Lusíada, n.º 23, 2007.

 

PINHO, Amon. O pensamento político do jovem Agostinho da Silva: Da primeira Faculdade de Letras do Porto e da Renascença Portuguesa ao ingresso no grupo Seara Nova. In: EPIFÂNIO, Renato (org.). Agostinho da Silva, pensador do mundo a haver. Sintra, Portugal: Zéfiro, 2007.

 

PINHO, Amon. Hermenêutica e Materialismo Histórico na Encruzilhada da História: Leituras especulares de Gadamer e Benjamin. Philosophica (Lisboa), n.º 28, 2006.

[social_share_list]